Pesquisa aponta mais de 530 mil demissões em Santa Catarina

Share this

O coronavírus atinge em cheio a economia e também o emprego. Em Santa Catarina, a 3 ª edição de uma pesquisa feita pelo Sebrae, Fiesc e Fecomércio, divulgada nesta terça-feira, 12 de maio, apresenta o impacto da pandemia do novo coronavírus na economia do Estado.

De acordo com a sondagem, que analisou o universo dos pequenos negócios e das médias e grandes empresas, cerca de 530 mil pessoas já perderam seus empregos desde o início da crise provocada pela pandemia da Covid-19.

Para a pesquisa, foram ouvidos 2.547 empresários, de todas as regiões de Santa Catarina, entre os dias 4 e 6 de maio. A margem de erro é de 1.9 ponto percentual para mais ou para menos.

Na Serra

A pesquisa traz ainda o impacto da crise nas sete regiões de Santa Catarina. Na Serra catarinense, 36,3% dos empresários afirmaram ter demitido no período. O total de pessoas demitidas na região é de 23.203. A perda de faturamento estimada na região é R$580 milhões

Veja mais detalhes da pesquisa no Lages Hoje.