Deputados do Podemos na Alesc já trabalham o entrosamento

É mais ou menos isso. Na tarde desta última quinta-feira (3), a deputada Paulinha recebeu no gabinete dela na Alesc, a visita dos deputados eleitos de partido, o atual presidente Camilo Martins, e o ex-vereador de Lages, Lucas Neves.

O trio forma o time do Podemos na próxima legislatura, que será empossada em 01 de fevereiro de 2023. Uma conversa prévia, oportuna, e que define diretrizes de trabalho, de maneira que a sintonia comece cedo entre os três parlamentares.

Lembro que a deputada Paulinha reeleita agora para o segundo mandato, liderou a maior votação do Podemos no Estado nesse pleito, atingindo o recorde de mais de 58 mil votos. E, foi em razão da expressiva votação da parlamentar, que conseguiu reforçar a legenda, passando de duas para três cadeiras.

Foto: Valquíria Guimarães

Expolages: política nacional produz discursos de incertezas

O maior evento do agronegócio de Santa Catarina, em Lages, foi aberto oficialmente na noite desta quinta-feira (13). A Expolages abrange todos os segmentos da economia serrana. O evento retorna depois de dois anos parado, em razão da pandemia, sempre no mês de outubro. Coincidentemente, neste ano, acontece em meio ao conturbado período político, que antecede o segundo turno das eleições. 

Chamaram atenção os discursos dos anfitriões, tanto do meio rural quanto da indústria e do comércio. Há medo diante das incertezas que cercam o futuro na política nacional. Não deveria ser assim. Seja qual for o próximo presidente, o sentimento que todos gostariam de ter, deveria ser o das boas perspectivas, dos avanços em todas as áreas, da geração de empregos, da segurança econômica. Mas, segundo eles, não está sendo assim.

Nunca na história política o setor do agronegócio esteve tão temeroso. E justamente o que produz alimentos para o Brasil e ao mundo.

Deputados ausentes

Não tive como deixar de observar a ausência de políticos na abertura da Expolages, na noite desta quinta-feira (13). Tirando alguns prefeitos e vereadores, apenas a deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania) se fez presente.

Os deputados estaduais da região, Marcius Machado (PL), reeleito, Lucas Neves (Podemos) recém eleito, e nem mesmo Mário Motta (PSD), considerado um representante serrano, apareceu. Isso que a Expoalges é considerada o maior evento multissetorial de Santa Catarina.

De parte do Governo do Estado, o lageano Juliano Chiodelli, da Casa Civil representou o governador Carlos Moisés. A vice-governadora, Daniela Reinehr havia confirmado presença, mas, em razão da forte chuva, acabou cancelando a vinda. O presidente da Santur Henrique Maciel também esteve presente.

A principal ausência sentida, foi mesmo a dos deputados estaduais serranos. A chuva que caiu no horário, deve ter sido a razão.

Terminada abertura, o registro do tradicional brinde dos parceiros no estande da ACIL, junto ao pavilhão multissetorial.

Fotos: Paulo Chagas

Mário Mota também é recebido pelo prefeito Ceron

Depois de ser visitado por Marcius Machado (PL) e Lucas Neves (Podemos), nesta terça-feira (11) foi a vez do deputado estadual eleito Mário Mota.

Oportunidade em que se colocou à disposição na Assembleia para defender os pleitos de Lages. Ressaltando que ele fez um total de 56.363 votos, dos quais 3.573 em Lages.

Dentro da Prefeitura, houve setores que deram total apoio a Mario Mota. Inclusive, a boca pequena há quem dita que será candidato a prefeito de Lages. Algo que até agora não ouvi de parte do colega de TV, agora eleito deputado.

Foto: Gabinete/divulgação

Visita cordial dos deputados eleitos ao prefeito Ceron

Os dois deputados estaduais eleitos pela Serra Catarinense, Marcius Machado (PL) e Lucas Neves (Pode), estiveram com o prefeito Ceron na manhã desta segunda-feira (10/10).

Marcius, reeleito, de cara afirmou que quer ser prefeito de Lages, mas não em 2024. Segundo ele, irá cumprir a palavra dada aos eleitores.

Foi uma visita de cortesia, onde o deputado destacou as emendas parlamentares que resultaram na remodelação de quase 20 parques infantis, além de recursos para o programa de castração de animais.

Enquanto isso, a acompanhado do secretário da Casa Civil, o lageano Juliano Chiodelli, o deputado eleito Lucas Neves esteve no gabinete para levar a confirmação do que o Governo do Estado dará continuidade nos investimentos firmados com o Município até o dia 31/12.

Lucas destacou que o Governo do Estado irá cumprir fielmente a destinação dos recursos para as obras em andamento, e principalmente a nova usina de asfalto.

Além da Usina, também as obras em andamento devem ser empenhadas e pagas, “tanto que estamos solicitando aos prefeitos que agilizem a documentação para a liberação dos recursos com brevidade”, concluiu o assessor de governo, agora deputado eleito, Lucas Neves.

Fotos: Milton Barão

Serra Catarinense aumenta a representatividade política

O grande número de candidatos a deputado estadual pela Serra trouxe apreensão, diante da possibilidade de que nenhum conseguisse ser eleito, deixando a região órfã de representantes.  Até mesmo na esfera federal havia temeridade.

Deputado reeleito, Marcius Machado (PL), comemorando na praça João Costa.

Para a Assembleia Legislativa, a aposta estava justamente nos dois nomes de maior envergadura, e que detinham mais estrutura: o atual deputado Marcius Machado (PL), e o assessor especial do governo de Carlos Moisés, Lucas Neves (Podemos). E ambos conseguiram. Assim, a Região Serrana passa a contar com dois deputados a partir de 2023.

Lucas Neves obteve sucesso na segunda disputa a deputado na curta carreira política

Leve-se em conta também, a eleição do apresentador Mário Motta (PSD), praticamente considerado um lageano. Já disso que terá um gabinete em Lages, e que irá também agregar na representatividade serrana.

Já para o Congresso, Carmen Zanotto (Cidadania) foi muito bem votada, e segue na luta como a principal representante em Brasília. 

Lucas destaca a necessidade de representação na Serra

Segundo o candidato a deputado estadual, Lucas Neves, a Serra Catarinense concentra grande parte da produção do agronegócio, tecnologia e turismo de Santa Catarina e desse modo precisa de representação nos poderes legislativo, seja Alesc ou Câmara dos Deputados.

Em Lages, mais de 15 candidatos concorrem a uma vaga na Assembleia Legislativa nas eleições do dia 02 de outubro.

No aspecto nacional, um dos temas mais debatidos é o do voto útil, que consiste em apoiar candidatos que tenham real chance de vencerem as eleições, seja no primeiro turno – o caso do legislativo – ou no segundo turno, nas majoritárias estaduais e nacionais.

É nesse sentido que a campanha do candidato a deputado estadual Lucas Neves (Podemos), se coloca como a opção mais viável na região da Serra Catarinense e Meio-Oeste.

Lucas acredita que sua preparação, formação, o trabalho prestado e a legenda do seu partido o transforma no candidato que, de fato, representa a região. “Na hora de votar, não dá para vacilar. É preciso votar em quem tem chance de chegar”.

Foto Sandro Scheuermann

Candidato Lucas Neves também estreia nesta sexta-feira

Num desdobramento de horários, elaborado pelo colega Alair Sell, da Nova Era TV, será possível rodar as entrevistas com os candidatos a deputado estadual da Serra, por uma semana, com estreia nesta sexta-feira (2).

É que nesta sexta-feira também foi gravado um Tema Livre com o candidato Lucas Neves (Podemos), ocasião em que ele falou de seus projetos e o andamento da campanha. 

Horários da Nova Era TV

Sexta (23h); Sábado (15h30); Domingo (23h30); Segunda (20h30); Terça (18h30); Quarta (16h00); Quinta (23h30)

Foto: Alair Sell