Apenas duas empresas lageanas no edital da Festa do Pinhão

Contrariando a expectativa de ter duas grandes empresas: Opus e Gaby Produções, na briga pela terceirização da Festa Nacional do Pinhão, de 2023, a abertura dos envelopes do Edital na manhã desta sexta-feira (27), revelou com surpresa, a ausência das duas.

Curiosamente, outras duas empresas se fizeram presentes na abertura dos envelopes, e duas locais, de Lages. Realmente inesperado. Mas, seja como for, buscaram habilitação a empresa Homero Borges de Carvalho e a TBS Produções, de Eduardo Luzardo Rech.

A primeira foi desclassificada logo no começo por oferecer um lance de apenas R$ 50 mil, contrariando o edital. Já a TBS lançou R$ 401 mil.

Agora, para validar o lance da TBS Produções, precisa apenas apresentar, em até três dias, um documento que comprove a capacidade para a realização de eventos para públicos superiores a 15 mil pessoas, isso, por dia. Segundo informações, será providenciado. Caso contrário também será desabilitada, e novo certame será aberto.

Enfim, se tudo se concretizar, será um fato histórico, contar com uma empresa lageana tocando um dos maiores eventos de entretenimento e gastronomia de Santa Catarina.

Sai edital para apontar a empresa que irá tocar a Festa do Pinhão

Pois é. Já circula a informação que estava sendo aguardada desde o ano passado, de que já está na página de licitações da Prefeitura de Lages, desde terça-feira (17), o edital PP 01/2023-PML, para contratar a empresa que deverá tocar a Festa Nacional do Pinhão de 2023.

O edital está no formato de pregão presencial, e prevê a abertura dos envelopes já no próximo dia 27 de janeiro, às 9 horas da manhã, junto ao setor de licitações da Prefeitura.

Portanto, é esperar para saber qual empresa desta vez irá tocar o maior evento da Serra Catarinense, em Lages, isso, claro, se não haver contestações. A Festa está prevista para ocorrer entre os dias 2 e 11 de junho.

A empresa vencedora será aquela que der a maior oferta para o uso da marca Festa Nacional do Pinhão. O valor mínimo da oferta é de R$ 400 mil com a validade não podendo ser inferior a 90 dias, contando da data da abertura do certame. (Fonte: site Diversa Pop).

Novo edital da Festa do Pinhão será lançado em breve

Em rápida conversa com o superintendente da Fundação Cultural de Lages, Gilberto Ronconi, perguntei a ele sobre como anda o encaminhamento do edital de licitação da Festa do Pinhão.

Disse-me que nos próximos dias, provavelmente dia 15/11, o Edital será publicado, e em meados de dezembro, a empresa ganhadora será conhecida.

Segundo adiantou, há quatro ou cinco empresas interessadas. Entre elas, as conhecidas Gabi Produções e Opus Entretenimento, entre outras.

Enfim, confirmou que a definição da empresa responsável se dará mesmo em dezembro.

Foto: Nilton Wolf

Festival Sabores de Lages na Festa do Pinhão

Nos dez dias de festa, os estabelecimentos participantes comercializaram mais de 13 mil pratos e mais de 2 mil litros de chopp artesanal, o que equivale a cerca de R$ 500 mil reais em vendas.

Este foi o resumo do resultado apresentado em reunião da ACIL, sobre a participação de 14 empresas, no festival gastronômico Sabores de Lages, durante a Festa Nacional do Pinhão,

Segundo a coordenadora do Núcleo de Gastronomia, Michelle Freitas, esta foi uma edição especial do festival gastronômico, realizado pelo Núcleo de Gastronomia dentro da Festa.

O Núcleo de Gastronomia é resultado de uma parceria de sucesso entre ACIL e CDL.

(Informações e foto: Sheila Rosa)

Quarta-feira de Festa do Pinhão com lotação máxima

O público começou a chegar cedo no Parque Conta Dinheiro. Assim que portões foram abertos, às 19 horas, rapidamente os espaços eram sendo tomados. Do lado de fora, filas de carros se formavam, assim como das pessoas nos principais acessos. A previsão era mesmo de um grande público.

No primeiro show da noite, as pistas estava todas praticamente tomadas. No entanto, havia muita gente do lado de fora. Por volta das 22 horas, o acúmulo de gente em filas de entrada chegava a quase 200 metros. No auge da Festa, por volta das 23 horas, a locomoção dentro do parque era algo difícil de executar.

O público na noite em que subiram ao palco Zé Felipe, Maira & Maraisa, Luiza Sonza e Alok, por certo foi um dos maiores registrados na história da Festa do Pinhão. Havia visitantes de muitos lugares, tanto de dentro como de fora de Santa Catarina.

Nesta quinta-feira (16), a entrada no Parque é franca. Os portões abrem às 15 horas, e no palco inúmeras atrações locais. Na noite de sexta-feira (17), a noite, a vez de Alexandre Pires, Skank, com o show de despedida da banda e ainda Dilsinho. A Festa termina domingo, dia 19, com Zé Neto & Cristiano.