Partido Liberal ingressa ação contra resultado de urnas no TSE

A ação foi explanada durante coletiva à imprensa na tarde desta sexta-feira (22). Ainda hoje, o Partido ingressou com pedido de anulação de parte das urnas eletrônicas utilizadas no segundo turno das eleições presidenciais, junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A solicitação da legenda é de que quase 280 mil itens de votação de modelos anteriores ao ano de 2020 sejam anuladas. “

Em trecho do documento, os dados apresentam uma apuração realizada apenas com base nos resultados das urnas do modelo UE2020 (40,82% do total das urnas utilizadas no 2º turno) – que, reitere-se, possibilitam, com a certeza necessária, validar e atestar a idoneidade de seus votos –, o resultado que objetivamente se apresenta atesta, neste espectro de certeza eleitoral impositivo ao pleito, 26.189.721 (vinte e seis milhões, cento e oitenta e nove mil, setecentos e vinte e um) votos ao Presidente Jair Messias Bolsonaro, e 25.111.550 (vinte e cinco milhões, cento e onze mil, quinhentos e cinquenta) votos ao candidato Luiz Inácio Lula da Silva, resultando em 51,05% dos votos válidos para Bolsonaro, e 48,95% para Lula. (Fonte: Jovem Pan).

Foto: Reprodução vídeo