Painel: uma das maiores Feiras do Terneiro e da Terneira de SC

Eis mais uma mostra de que a pecuária serrana está na vanguarda em Santa Catarina. A Feira do Terneiro e da Terneira de Painel, foi igualmente gigante, com mais de 900 animais, e um faturamento de $ 2 milhões e 340 mil e sessenta reais.

Por uma questão de logística técnica, mais uma vez a Feira do município vizinho ocorreu nos pavilhões e na pista de remates do Parque Conta Dinheiro, em Lages.

O martelo do leiloeiro Delamar Macedo bateu continuamente por cerca de seis horas, na noite deste domingo (23), e na última batida. Apenas três lotes não foram vendidos, porém, permaneceram em consignação para posterior negociação a preço de mercado.

O evento, mais uma vez foi realizado de forma híbrida, ou seja, com a presença de compradores no pavilhão, e através da transmissão virtual do Lance Rural e do canal do YouTube, da Camargo Agronegócios.

No fechamento, o valor médio dos terneiros ficou em R$ 13.86 e das terneiras, R$ 13,31. Vale destacar, mais uma vez, o alto nível dos animais, mesmo com o grande frio registrado na semana passada, na região, e que causou transtornos na pecuária.  O município de Painel pertence à jurisdição do Sindicato Rural de Lages.

Fotos: Paulo Chagas

Faturamento de quase seis milhões em duas feiras

Excelente o resultado das duas Feiras do Terneiro e da Terneira, realizadas no Parque Conta Dinheiro, em dois sábados seguidos, ou seja, duas etapas, em razão do grande volume de animais. 

No evento deste sábado (14), foram cerca de 900, e todos foram comercializados, gerando a expressão de “pista limpa. E foi o que ocorreu também na primeira etapa, dia 7.

Ressalte-se o expressivo movimento econômico das duas feiras: quase, R$ 6 milhões. Exatamente R$ 5 mi 918 mil e 700. Somente no leilão deste sábado foram R$ 2 mi e 666 mil e 790.

O evento, que tem contado com a volta do público comprador, também teve a sustentação dos negócios via plataformas virtuais, através do Lance Rural e do Canal do YouTube, da Camargo Agronegócios.

As feiras, promovidas pelo Sindicato Rural de Lages comprovam a supremacia da pecuária serrana, com vendas para todo o Estado.

Ainda fazendo parte do calendário de maio, nesta segunda-feira (16), a partir das 18 horas, acontece a Feira de Gado Geral, com cerca de 900 animais. Destaque para as novilhas. 

Fotos: Paulo Chagas

Leva de mil animais na etapa 2 da Feira do Terneiro (a)

Lages, há muito tempo se tornou referência na comercialização de animais de qualidade, no Sul do Brasil. Isso tem sido dito por pessoas do meio, caso do presidente do Sindicato Rural de Lages, Márcio Pamplona, por exemplo.

E, é uma grande verdade. Não se vê em outro lugar em Santa Catarina, ou nos estados vizinhos, tamanha quantidade de animais sendo comercializados em apenas duas semanas.

São duas etapas da Feira do Terneiro e da Terneira. A primeira ocorreu sábado passado (7), e a outra, a segunda, neste sábado (14), a partir das 16 horas, no Parque Conta Dinheiro.

Vale lembrar que os compradores que quiserem participar do leilão presencialmente, agora está liberado. No entanto, continuam as vendas pelas plataformas virtuais, através do Lance Rural e do Canal do YouTube da Camargo Agronegócios. 

Na segunda-feira, 16, o terceiro leilão de maio, a Feira de Gado Geral, se inicia às 18h, com mais 500 animais aproximadamente, estarão disponíveis.

Márcio Pamplona fala sobre o evento de sábado. Ouça:

Dia memorável de negócios no Parque Conta Dinheiro

A primeira etapa da Feira do Terneiro e da Terneira, no Parque Conta Dinheiro, em Lages, neste sábado, 7, começou à tarde e terminou à noite.

Foram exatas cinco horas nas repetidas vezes em que o martelo do leiloeiro oficial Delamar Macedo foi finalizando a venda de cada um dos 95 lotes ofertados. Eram exatos 953 animais. E todos foram comercializados.

No evento que marcou a volta dos compradores presencialmente. Porém, realizado de forma híbrida, e com a manutenção das negociações virtuais, um faturamento histórico da categoria num único leilão: R$3 milhões 251 mil e 910 reais.

As médias também foram consideradas muito boas. Para os terneiros R$14,24 e terneiras R$15,16. Para o presidente do Sindicato Márcio Pamplona, o resultado se deve à qualidade dos animais, como tem sido, em todos os eventos.

Na abertura, a lembrança de que o evento sempre antecede o Dia das Mães. A cantora Aline Amorim, interpretou uma canção em homenagem a todas as mães de dentro e de fora do agro.

Enfim, um grande fechamento de negócios, que poderá se repetir no próximo sábado, dia 14, a partir das 16 horas, quando acontece a segunda etapa da Feira do Terneiro e da Terneira.

E para finalizar a programação de três grandes feiras neste mês de maio, promovidas pelo Sindicato Rural, ainda acontece o tradicional leilão de Gado Geral, na segunda-feira,16. Ao todo, mais de 2,5 mil animais aptos à comercialização.

Fotos: Paulo Chagas

Sábado de leilão de animais jovens no Conta Dinheiro

Mil terneiros e terneiras estarão em pista para um dos mais esperados leilões de animais jovens, no Parque Conta Dinheiro, neste sábado (7), a partir das 16h. É a primeira etapa. No outro sábado, 14, mais mil animais voltam à comercialização no pavilhão de remates José Arruda Ramos.

Dia para ver de perto os animais e os pisteiros de olho nos lances. Haverá espaçamento entre as cadeiras.

A novidade para este evento é o retorno do público, mas sem deixar de lado a transmissão virtual, via Lance Rural e pelo canal do You Tube da Camargo Agronegócios.

Portanto, boa chance para a realização de negócios de animais para a reposição de plantel. Lembrando que na segunda-feira (16), ainda acontece a Feira de Gado Geral. No total dos três eventos, mais de 2,5 mil animais, no maior concentração de animais em leilões, de Santa Catarina.

Foto: Paulo Chagas

Leilões com a presença do público no Conta Dinheiro

O Sindicato Rural de Lages promove neste mês de maio, três leilões, envolvendo mais de 2 mil e 500 animais. São duas feiras do terneiro e da terneira, com mil animais cada uma, nos dias 7 e 14. E uma de gado geral, no dia 16.

O sistema virtual será mantido, mesmo com a presença do público – Foto: Paulo Chagas

É a maior concentração de animais em negócios, de Santa Catarina. A novidade já para este sábado, é a volta do público. Desde o início da pandemia, os leilões eram feitos somente por plataformas virtuais. Porém, o sistema virtual será mantido em paralelo com o presencial.

O presidente Márcio Pamplona fala mais sobre os eventos. Ouça abaixo:

Leilão de terneiros (as) rende mais de R$ 4,25 milhões

A segunda etapa da Feira do Terneiro e da Terneira, realizada na noite deste sábado (8), no Parque Conta Dinheiro, em Lages, promovida pelo Sindicato Rural de Lages, comercializou 648 animais distribuídos em 64 lotes. O evento rendeu R$ 2 milhões 136 mil.

No acumulado das duas etapas, um valor recorde no evento: R$ 4 milhões 225 mil e 340 reais. Na média do dia, os machos fecharam em R$ 15,21. As fêmeas, pela razão mercadológica seguem mais bem valorizadas, com obtenção da média do quilo em R$ 15,91.

Na avaliação do presidente do Sindicato Rural de Lages, Márcio Pamplona, a liquidez de 100% nas vendas das duas etapas, consolida o trabalho desenvolvido pela diretoria do Sindicato Rural, pelos parceiros da Camargo Agronegócios, e principalmente, pelo trabalho feito nas propriedades, pelos avanços em tecnologia, no desenvolvimento da genética, e pelos investimentos em infraestrutura.

O circuito das vendas de outono na abrangência do Sindicato Rural de Lages se complementa nesta segunda-feira (10), com a Feira de Gado Geral, com cerca de 500 animais, a partir das 18 horas.

Fotos: Paulo Chagas

Hoje: leilão de animais jovens no Parque Conta Dinheiro

Uma segunda-feira (3) de oportunidades para quem pensa na reposição de seus plantéis bovinos. Mais de 700 animais estarão em pista, no Parque Conta Dinheiro, em Lages, a partir das 18 horas. É a Feira do Terneiro e da Terneira, na primeira etapa. A segunda, com o mesmo número aproximado de animais acontece no próximo sábado.

A promoção é do Sindicato Rural de Lages, e sob a organização da Camargo Agronegócios. O evento, segue sem a presença de público. O comprador vai negociar virtualmente como vem sendo feito, para evitar qualquer contato e se preservar. A equipe de trabalho, esta vai estar seguindo todos os protocolos de segurança. O leilão será transmitido pelo Lance Rural e pelo canal do you tube, da Camargo Agronegócios.

Para o presidente do Sindicato, Márcio Pamplona, há muito otimismo no resultado. Segundo ele, tal otimismo se deve, ao fato de que o mercado se apresenta ao comprador, ou seja, há uma quantidade pequena em oferta. Isso faz com que as vendas sejam absorvidas e bem pagas. A observação é de que os preços têm se mantido em boa média, numa alta apresentada desde o início da temporada de leilões, em março. A esperança é de que os valores se mantenham firmes e não fujam dos preços atuais do mercado.

Fotos: Paulo Chagas