Livro é lançado e música de Daniel Lucena vira patrimônio

Neste sábado (20), o Casarão Juca Antunes foi palco do lançamento do livro “Daniel Lucena – Algum caminho que me leve ao sul” do escritor Felipe Rigon Borba.

Um momento célebre. O prefeito, Antonio Ceron, na ocasião, assinou a Lei Nº 4535 (proposta pelo vereador Heron Souza) que torna a música “Princesa da Serra” de Volnei Varaschin e Daniel Lucena como símbolo de Lages e como Patrimônio Imaterial Cultural.

O superintendente da Fundação Cultural, Giba Ronconi e o Prefeito Ceron fizeram a entrega de uma placa para a família de Daniel e rosas para matriarca da família, dona Magaly Lucena.

Uma bela homenagem póstuma. Daniel Lucena foi e segue sendo um dos lageanos mais exaltados em termos de música autoral em Santa Catarina. Membro fundador da icônica banda Expresso Rural.

(Informações e fotos: Fabrício Furtado)

Conhecida a primeira cerveja 100% catarinense

A primeira cerveja produzida com ingredientes 100% catarinenses já está no mercado. O governador Carlos Moisés conheceu na terça-feira, 18, a Toda Nossa, desenvolvida por meio de uma parceria entre a Secretaria de Estado da Agricultura, da Epagri, da Udesc, das cervejarias Ambev e Lohn Bier e a Prefeitura de Lages.

O líquido contém lúpulo, malte de cevada e leveduras produzidas em Santa Catarina. O principal desafio é o desenvolvimento da produção de lúpulo, que ainda se encontra em estágio embrionário no Brasil.

O prefeito Antonio Ceron, de Lages, esteve entre os convidados para o lançamento da cerveja

Uma Fazenda Modelo foi instalada em Lages, na Serra Catarinense, para estimular o plantio. O governador Carlos Moisés enalteceu o projeto. Segundo ele, Santa Catarina já possui uma cultura enraizada de produção cervejeira, e a primeira cerveja 100% catarinense ajudará a alavancar toda uma cadeia econômica.

Fotos: Peterson Paul/Secom

Raimundo buscando a construção de novo projeto

O ex-governador Raimundo Colombo está pondo em prática seu novo objetivo, a partir de encontros com lideranças do PSD. Na Serra, o diálogo ocorreu neste sábado (3).

A intenção foi construir um debate sobre o cenário atual e os projetos do partido para os próximos anos. Colombo é pré-candidato do PSD ao Governo do Estado.

Raimundo conversou com uma plateia de cerca de 40 pessoas. O encontro contou também com a presença do prefeito de Lages, Antonio Ceron. Todos os cuidados sanitários foram tomados.

Oposição

Colombo voltou a defender o papel do PSD como oposição ao atual Governo do Estado. Para tanto, propôs a discussão de uma mensagem, com respeito ao mensageiro. “O radicalismo é um erro na política, mas ou temos um projeto político ou estamos no governo”, disse.

No Meio-Oeste

Na sexta-feira, 2, Colombo cumpriu agenda no Meio-Oeste, com reuniões com equipes das prefeituras de Campos Novos, Videira e Fraiburgo e lideranças regionais. Foto Videira –

Crédito Alexandre Lenzi

Mais dois andares da nova ala do HTR são ativados

A ativação de mais dois andares da nova ala do Hospital Tereza Ramos, prevista para ainda esta semana, foi anunciada pelo governador Carlos Moisés durante uma vistoria na unidade na tarde desta segunda-feira, 28, ao lado do secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, e do prefeito de Lages, Antonio Ceron.

O primeiro andar receberá 20 leitos de UTI exclusivos para o tratamento da Covid-19, enquanto o segundo piso contará com 30 leitos de enfermaria, também para o enfrentamento da pandemia. O terceiro andar da nova ala foi ativado em agosto de 2020 e abriga os outros 26 leitos de UTI Covid da unidade.

Com a ativação dos dois andares, os 18 leitos de UTI Covid do prédio antigo serão transferidos para a nova ala, além de dois novos que serão abertos. Com isso, o total de leitos de UTI exclusivos para o enfrentamento da pandemia no Hospital Tereza Ramos passa de 44 para 46. A unidade possui ainda outros 10 leitos de UTI para tratar as demais enfermidades.

No caso dos leitos de enfermaria Covid, os 22 existentes no prédio antigo serão movidos para a nova ala, além de oito novos que serão abertos, totalizando 30.

Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

Terreno em Índios pode ter destino, finalmente

Talvez a partir de agora, se tenha uma resolução quanto ao imbróglio do terreno que era destinado à fabrica chinesa de caminhões a Sinotruk, e que teve início em 2013. Uma situação pendente que não teve um desfecho feliz porque os chineses deram para trás no investimento da fábrica, em Lages.

 

Chineses estiveram em Lages ainda em 2013. Tudo parecia que o projeto da Sinotruk se concretizaria

Desde então, o problema tem sido levado sem pulso firme quanto ao destino da área. Houve, de parte da iniciativa privada uma proposição até interessante, com a criação de um condomínio multisetorial, uma ideia colocada ainda para o então prefeito Elizeu Mattos, e depois para Antonio Ceron, que não teve interesse, por alguma razão.

Seja como for, agora, o assunto está sendo tratado pela criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), na Câmara de Vereadores, e que está atuando para apurar todo o histórico dessa área, e que pertence ao município.

Na verdade, uma questão que já poderia ter tido um caminho desejável para o terreno às margens da BR 282, no Distrito de Índios. Porém, algumas ideias tiveram um princípio de encaminhamentos neste ano.

Na semana passada, o assunto também ganhou nova notoriedade, a partir da conversa entre os membros do Fórum de Entidades Empresariais, com o prefeito Antonio Ceron, com a sugestão de que seja instalada lá, um primeiro passo, ou seja, uma Subestação de Energia, e aí quem sabe, estabelecer um projeto amplo como o de um parque industrial.

Tudo agora transcorre em paralelo com uma CPI, e para não resultar em coisa pior, corre-se contra o tempo para achar um propósito ao terreno.

Lages deve antecipar vacina nos professores

Vários prefeitos de Santa Catarina estão requerendo junto à Comissão Intergestores Bipartite (CIB) a autorização para poder antecipar a vacinação contra a covid-19 dos profissionais da educação.

O prefeito de Lages, Antonio Ceron, também projeta esta possibilidade e já enviou ofício à CIB. Só aguarda a resposta.

Entre os argumentos para o pedido de Ceron, é de que o município tem uma quantidade significativa de doses, o que poderia ser antecipado a decisão estadual de só dar início ao processo de vacinação no dia 31 corrente.

Se o pedido for confirmado, Lages poderia dar início a vacinação ainda nesta semana, pois toda a logística de vacinação está pronta, tanto no Parque Conta Dinheiro, quanto no Ginásio Jones Minosso.

Foto: reprodução facebook

Registro: prefeito Ceron toma a segunda dose da vacina

A vacina é importante para todos. E na faixa condizente à idade dele, o prefeito de Lages Antonio Ceron esteve no drive-thru, no Parque Conta Dinheiro, na manhã deste domingo (11) para receber a segunda dose da vacina contra o covid-19.

O prefeito cumpriu as etapas recomendadas, com intervalo mínimo de 21 dias. Vale dizer que o intervalo correto da imunização é essencial para que as vacinas sejam consideradas efetivas, e quem tomou apenas a primeira dose não está imunizado.

Freio da pandemia

Levantamento mostra que 76% dos brasileiros pretendem tomar a vacina e 78% apoiam medidas que exijam a comprovação de vacinação para participar de eventos públicos e privados. Para frear a pandemia, é necessário que cerca de 70% da população esteja imunizada.

Foto: Gabinete/divulgação

Número de infectados por coronavírus reduz 60% em Lages

Assim como tem acontecido em municípios do Oeste, Lages também está conseguindo conter o avanço do contágio do coronavírus. O número de pessoas ativas caiu em 60% conforme a Secretaria Municipal de Saúde. Dados recentes apontam a queda de 3 mil para menos de 700.

Já a fila de espera por leito de UTI diminui de 30 para cinco vagas, registradas oficialmente na manhã da última terça-feira, 6 de abril.

O prefeito Antonio Ceron disse que está muito preocupado com a questão da pandemia de um modo geral e foi taxativo em declarar que as únicas medidas que funcionam em relação a prevenção de novos casos, bem como, ao tratamento da Covid-19, são os cuidados básicos com a higienização, com o uso de máscara, álcool em gel, manter o distanciamento recomendado entre as pessoas, evitar aglomerações, e nos casos dos infectados seguirem rigorosamente as recomendações médicas.

Disse também de que só os médicos, que se formaram para tratar da saúde das pessoas, podem recomendar o tratamento adequado, caso a caso.

Fotos: Aline Borba e Divulgação