Tag: segurança (Página 1 de 6)

Manifesto e roubo do sino

No sábado (13) a Associação de Moradores do bairro Guarujá, em Lages, organizou um protesto contra a onda de crimes na comunidade, ou seja, para clamar por mais segurança e pedir o retorno da base da Polícia Comunitária. Pouca gente participou, pelo que se sabe.

Pois, como um deboche ao protesto, a ousadia dos ladrões deixou muita gente estarrecida, ao constatar, no outro dia, domingo (14), que o sino da Igreja havia desaparecido. Roubado.

O sino, fabricado em bronze e cobre, foi retirado, sem que ninguém percebesse, durante a madrugada de sábado para domingo. Restou apenas o registro da ocorrência.

(Foto: Blog Milton Barão)

Guarujá clama por segurança

Cansada e com medo do avanço da criminalidade no bairro, a comunidade do Guarujá, em Lages, está organizando um manifesto neste sábado à tarde (13).  Fará uma passeata pelas principais ruas clamando por mais segurança.

O ato se justifica, segundo a Associação de Moradores, pelo crescente número de ocorrências e a sensação de insegurança.

O presidente da Associação, Luis Borges relata que não suportam mais as ocorrências como furtos, arrombamentos e até mesmo assaltos à mão armada. Conforme diz, problemas que têm se tornado corriqueiros.

A comunidade quer de volta a Base fixa da Polícia Militar no Guarujá, desativada há três anos. Desde que fechou, as ocorrências têm sido cada vez mais frequentes e os moradores e comerciantes se sentem acuados, de mãos atadas.

Conforme ainda Borges, as pessoas estão com medo de andar pela rua à noite. Os comerciantes estão fechando suas lojas mais cedo e a sensação de insegurança aumenta a cada dia. O que se quer é dar um basta. E a passeata é justamente para reivindicar mais segurança.

A Polícia Militar e a Prefeitura, através da Diretran vão acompanhar a movimentação do ato pacífico.

Alguns números da criminalidade no bairro, dos últimos dias:

Arrombamentos furto realizado: 104

Assaltos: 11

Tentativas de assalto: 12

Tentativas de sequestro: 6

(Foto da PM de Lages: Catarinas)

Câmeras vão reforçar a segurança na Rodoviária

A segurança, principalmente a noturna na Rodoviária de Lages tem sido bastante deficitária. Para sanar o problema, serão instaladas dez câmeras de videomonitoramento. A meta é inibir atos de vandalismo e possíveis roubos no local.

Estes equipamentos que irão reforçar a segurança serão instalados na parte interna e externa do local.

A intenção é fazer com que, já nesta semana, o equipamento esteja em funcionamento.

Foto: Arquivo    

Polícia Civil recebe mais 57 delegados e 138 agentes

Nesta segunda-feira (27), a Polícia Civil de Santa Catarina vai receber o reforço de 57 delegados e 138 agentes.

É a última turma do concurso realizado em 2014 e, com ela, o contingente da corporação chega a 3.282 policiais.

A formatura acontece, coincidentemente, no mesmo dia do encerramento das inscrições para um novo concurso, com vistas ao ingresso de mais 200 agentes e 194 escrivães, imediatamente após o curso de formação.

A previsão é que em até um ano novos policiais ingressem na força depois de passarem pelo curso de formação na Academia da Polícia Civil do Estado (Acadepol).

Distribuição

Os quase 200 novos delegados e agentes serão distribuídos nas 30 regiões policiais do estado, a partir de critérios técnicos, como número, crescimento e tipo de ocorrências.

Algumas comarcas, onde o efetivo estava aquém do necessário, também receberão os recém-formados. É o caso de Rio do Oeste, Anchieta, Rio do Campo, Presidente Getúlio, entre outros municípios. 

Fora esses casos específicos, Florianópolis, Joinville, Blumenau, Chapecó e Itajaí, cidades-polo de regiões populosas e com elevação no número de ocorrências, receberão os maiores contingentes, tendo foco na investigação.

OBS: Imagens cedidas pela Acadepol em baixa resolução para não identificação dos policiais

Rede de Vizinhos segue crescendo

A proposta de ter mais segurança nos bairros de Lages, com a implantação da Rede de Vizinhos só cresce. Já são ao todo 50 bairros.

Iniciada em Lages no mês de agosto de 2016, o programa da da Polícia Militar de Santa Catarina, conta hoje com mais de 1200 membros entre comerciantes e moradores.

O programa é uma estratégia de policiamento pautada na filosofia de polícia comunitária e de vigilância entre vizinhos.  Para fazer parte da rede basta procurar a PM e participar da reunião de sensibilização.

O próximo encontro ocorre nesta segunda-feira (6), às 19h, na sede do 6º Batalhão de Polícia Militar, no bairro São Cristóvão.

Informações e foto: Catarinas Comunicação

Novos policiais vão permanecer na Serra

O deputado estadual Gabriel Ribeiro nesta quinta-feira (5)  informou ao presidente da Amures e prefeito de Otacílio Costa, Luiz Carlos Xavier (Tio Ligas), e a outros seis prefeitos da região que os 58 futuros PMs em treinamento no 6º Batalhão, com sede em Lages poderão permanecer na Serra após o curso de formação.

Aliás, o deputado ainda informou que estes PMs deverão ir para as ruas a partir de dezembro, quando acaba o treinamento, e que vão permanecer na Serra.

No documento entregue pelo presidente da Amures ao comandante consta a necessidade de policiamento em cada município da jurisdição do Batalhão de Lages, no total de 75 PMs.

Ou seja, a defasagem, pelo levantamento da Amures, deverá cair para 17 policiais em toda a região. Além de Otacílio Costa, estavam na reunião os prefeitos de Capão Alto, Urubici, Urupema, Cerro Negro, Anita Garibaldi e Celso Ramos.

 Categoria de Companhia

Além disso, o prefeito Luiz Carlos Xavier entregou um documento a Hemm em que pede a elevação do Pelotão de São Joaquim para a categoria de Companhia da PM. Tio Ligas argumenta, entre outras coisas, que o Pelotão da PM em São Joaquim atende uma área maior do que a de algumas companhias, como Turvo e Garopaba. O comandante respondeu que se trata de uma questão técnica que precisa ser analisada.

Abaixo, o mapeamento sugerido pela Amures:

Lages: 20

Bocaina do Sul: 2

Painel: 2

São José do Cerrito: 1

Celso Ramos: 3

Cerro Negro: 1

Campo Belo do Sul: 1

Capão Alto: 2

Abdon Batista: 4

Anita Garibaldi: 4

Otacílio Costa: 4

São Joaquim: 8

Bom Jardim da Serra: 4

Urupema: 2

Urubici: 1

Rio Rufino: 2

Correia Pinto: 4

Ponte Alta: 3

Alfredo Wagner: 2

Bom Retiro: 2

Palmeira: 3

Total: 75

(Informações e fotos: Tarcísio Poglia)

Mais seguranças em áreas rurais

A alternativa para ampliar a segurança no interior veio do convênio firmado entre o 6º Batalhão da Polícia Militar (6ºBPM) e a Cooperativa Agropecuária do Planalto Serrano (Cooperplan).

A assinatura do documento ocorre na sexta-feira, 11, às 15h, na sede do Batalhão, na Rua Mato Grosso, bairro São Cristóvão.

A Patrulha desenvolve seu trabalho em áreas rurais geralmente de difícil acesso. Esse policiamento atua de forma preventiva, realizando rondas diárias nas localidades e levando tranquilidade aos proprietários e trabalhadores rurais.

Homenagens e promoções

 Na ocasião será prestada homenagem aos Policias Militares que atuaram no resgate de uma criança de seis anos que caiu em um penhasco em Bom Jardim da Serra no dia 23 de julho desde ano. 

 Ainda, será realizada uma solenidade para prestigiar a promoção de Oficiais e Praças integrantes da corporação, serão promovidos três Oficiais e dez Praças.

Informações: Catarinas – Imagem: divulgação

Polícia Militar lança Operação Inverno

A Polícia Militar planejou e organizou a Operação Inverno, que começou nesta sexta-feira (02). O objetivo vai além de inibir furtos e roubos. A intenção é também orientar moradores e visitantes sobre a segurança e cuidados no trânsito e também auxiliar turistas que nesta época do ano visitam a Serra Catarinense.

 O lançamento da Operação ocorreu nesta sexta-feira, à tarde, durante a solenidade do 2º aniversário da  no Hangar da própria Companhia, localizado no Aeroporto Antônio Correia Pinto, na Rodovia BR-282.

(Foto: Catarinas)

Página 1 de 6

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén