Tag: Revitalização do Centro (Página 1 de 2)

É chegada a hora do início da demolição do Aristiliano

O prédio que serviu de Colégio, o Arisitiliano Ramos, começará a ser demolido nesta sexta-feira (8), a partir das 8 horas.

Com a ordem de serviço liberada, a demolição representa o primeiro passo para efetivar a revitalização do Centro de Lages, já que há R$ 20 milhões garantidos pelo governador Raimundo Colombo.

O secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) João Alberto Duarte e o proprietário da empresa Incopedra Indústria e Comércio de Pedras e Construção Ltda, Ezequias do Santos Pinto, assinaram no início da tarde desta quinta-feira, 7, a ordem de serviço para a demolição e destinação dos resíduos.

O serviço foi contratado em caráter emergencial por dispensa de licitação, ao custo de R$ 146 mil, em valor único e irreajustável.  

De acordo com Esequias dos Santos Pinto, a demolição será feita com auxílio de uma escaveira hidráulica e deverá ser concluída ainda no sábado. 

Informações e foto: Cristiano Rigo Dalcin

Revitalização do Centro de Lages só em 2018

Mesmo que se quisesse seria difícil iniciar as obras de revitalização do Centro de Lages ainda este ano. Pois, depende da finalização do processo de licitação, que deverá ser lançado no final de novembro, e cumprindo o prazo, somente para janeiro de 2018 em diante.

Nesse meio tempo, a parte da demolição do velho prédio do Aristiliano Ramos deverá estar executada.

Este um resumo do que o prefeito Antonio Ceron revelou em uma entrevista a este espaço e também ao Lages Hoje.

Revitalização do Centro

Para que não pairem dúvidas sobre o projeto de revitalização da área central de Lages, conversei com a presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, de Lages, Rosani Pocai.

Segundo ela, já foi feito um trabalho de conscientização em meio à classe, sobre a possibilidade de que as obras comecem ainda este ano.

Tanto que, todo o envolvimento decorativo e as atividades natalinas envolvendo a entidade serão todas feitas entre a Catedral e o Tanque. (Parque Jonas Ramos).

Pocai entende de que se os trâmites finais que estão sob a responsabilidade da Prefeitura e do Governo do Estado permitirem o início das obras, que comecem a qualquer tempo, ainda neste ano.

Assim, em janeiro, já no dia 2, no período de férias, as obras estariam a todo o vapor.

Louvável o pensamento dos dirigentes lojistas, e dos próprios lojistas, ao entendimento de que nem mesmo o Natal deve ser empecilho para a execução do projeto.  “Queremos que saia de uma vez”, disse Rosani.

Pequenos “enroscos” para iniciar demolição

Depois da decisão judicial pela derrubada do prédio do antigo Colégio Aristiliano Ramos, a Prefeitura de Lages não quer mais perder tempo, para efetivar a ação.

Foto: Pablo Gomes

Para discutir o assunto, na manhã desta terça-feira (10), o prefeito Antonio Ceron se reuniu com o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), para, exatamente avaliar todos os pontos para o próximo passo.

A expectativa é de que o processo de demolição não demore. Porém, antes, alguns trâmites precisam ser obedecidos. Um deles é a possibilidade da doação do imóvel do Estado ao município. Para isso acontecer, precisa passar pelos deputados na Assembleia Legislativa, ainda este ano.

Demolição agora é uma questão de tempo

Nos próximos dias o assunto será pauta de uma reunião com o governador Raimundo Colombo. Enquanto isso, os técnicos da Prefeitura e do Governo estudam as alternativas mais rápidas, baratas e legais para providenciar a demolição o mais rápido possível.

Vale lembrar que as obras de revitalização do Centro podem começar a qualquer momento, pois, não dependem essencialmente do prédio do Aristiliano estar totalmente removido da Praça.

Aprovado o projeto de revitalização do Centro

A espera terminou. Finalmente o projeto de revitalização do Centro de Lages está aprovado tanto pela prefeitura quanto de parte dos empresários. A apresentação ocorreu na manhã desta sexta-feira (14), na Prefeitura.

Apesar da concepção moderna, com referências de projetos já executados na Europa, em que os espaços privilegiam a convivência entre as pessoas e acessibilidade, algumas mudanças sugeridas pelos empresários foram incorporadas ao projeto.

Assim, foi mantida a proposta de manter mais vagas de estacionamento e a implantação de mais banheiros, além de uma estrutura exclusiva para a Polícia Militar.

Daqui para frente o projeto deverá caminhar para a execução. O próprio Município garantiu a execução pagando o projeto. Seja como for, a licitação é passo seguinte. E, dentre de uns dois meses será conhecida a empresa vencedora.

O pessoal da CDL e do Sebrae  acompanhou a apresentação das mudanças sugeridas e deram o aval positivo.

Fotos: Greik Pacheco

Apenas aguardando pela demolição

Não tenho dúvida de que estão sendo adotadas todas as medidas possíveis em relação ao antigo Colégio Aristiliano Ramos, no Centro de Lages.

Aristiliano2

A posição do Governo do Estado sempre foi muito clara sobre o assunto, e a proposta é demolir o prédio para proporcionar a revitalização do Centro da cidade.

Construído há 80 anos, o edifício foi interditado em dezembro de 2011 pela Defesa Civil devido a vários problemas estruturais. Os 1,3 mil alunos da época foram imediatamente transferidos para outras escolas da rede estadual, e ninguém ficou sem aulas.

Várias possibilidades foram levantadas, mas como uma restauração completa ficaria totalmente inviável sob os aspectos financeiro e logístico, optou-se por trabalhar com a hipótese de demolição para dar lugar à revitalização do Centro.

Atualmente, há unanimidade de opiniões da população em favor da demolição.

.

Revitalização da Praça

O projeto arquitetônico contempla uma nova praça naquele espaço, inclusive com área para shows e outras atividades culturais, a exemplo do que ocorre desde julho de 1973 durante a Festa do Pinhão, com o Recanto do Pinhão abrigado no local.

praçao

Perspectiva de como a Praça deverá ficar

Por hora, ainda  se sabe de que há uma situação que impede o Estado de tomar qualquer tipo de medida, até mesmo porque o edifício continua interditado pela Defesa Civil.

Porém, a expectativa é de uma decisão final favorável ao Governo do Estado nas próximas semanas, e tão logo isso ocorra, o prédio deverá ser demolido para a plena execução do projeto de revitalização do Centro de Lages.

Pablo Gomes, jornalista da ADR Lages

Elizeu é sabatinado pelo Fórum de Entidades

Foi durante reunião nesta quarta-feira (13), em um café da manhã, na ACIL. Na ocasião, o prefeito Elizeu Mattos respondeu aos representantes do Fórum de Entidades questões sobre temas pertinentes à comunidade, tais como a revitalização do centro; a reforma do mercado público e ainda sobre a criação de um Instituto de Planejamento Urbano para melhorar a mobilidade dentro do município.

café ACIL Elizeu

Sobre a revitalização, Elizeu descarta a possibilidade de que se comece ainda este ano. Não antes da implantação do novo sistema de iluminação, que incluem a remoção dos postes.

café acil

Outro tema que vem sendo bastante discutido nas reuniões do Fórum é sobre as lombadas e redutores de velocidade espalhados na cidade. A preocupação é de que seja criado uma sistemática que possa resolver os problemas de mobilidade.

Na verdade, há certo descontentamento por parte do empresariado. O que se quer é mais atenção em setores específicos, e que a cidade não pode esperar. A mobilidade é um desses gargalos, que só tende a piorar.

(Informações e fotos: Débora Puel)

Quanto à recuperação de ruas nos bairros

A prefeitura de Lages, através da Secretaria de Infraestrutura, até para dar satisfação à comunidade informa que está dando continuidade ao seu cronograma de obras em várias regiões da cidade.

Entre os serviços, são realizados patrolamento, tapa-buracos, construção de caixas, colocação de tubos, calçamento, limpeza e desobstrução de bocas-de-lobo.

Por exemplo, na rua José Kichiner, próximo ao Caic, no bairro Santa Catarina, está sendo substituída uma ponte de madeira por galeria de concreto.

Infraestrutura mantém obras em vários bairros - Caetano Vieira da Costa, foto SecNas ruas Caetano Vieira da Costa e Aristiliano Ramos, no Centro, o calçamento está sendo recuperado, facilitando o deslocamento de pedestres.

Ruas da Cidade Alta e bairro Ferrovia, além de paralelas à avenida Papa João XXIII, estão sendo patroladas.

Por outro lado, segue também a recuperação do asfalto da avenida Presidente Vargas para que em breve seja feito o recapeamento. Então tá.

Página 1 de 2

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén