Neste próximo sábado, 18, a partir das 14 horas, mais de 300 animais estarão prontos, no Parque Conta Dinheiro para o último leilão do ano.

São animais selecionados e de alto padrão racial. Como se pode notar, quantidade não significa qualidade.

O fato de ser o último leilão do ano só aumenta a expectativa de que haja pista limpa. Por outro lado, a valorização dos animais tem se mantido regular.

Os preços médios tiveram pouca oscilação durante o ano. O destaque fica exatamente para os reprodutores que tiveram valorização acima dos preços praticados em 2016.

Pelo histórico da Expolages e pelos leilões particulares, conforme lembrou o presidente da Associação Rural, Márcio Pamplona, ficou evidenciada a confiança do produtor em seguir investindo na pecuária, embora o resultado das novas aquisições sejam sentidas no rebanho daqui há dois anos, quando começam a nascer os bezerros.